Busca no BLOG

sábado, 25 de agosto de 2012

BRAGANTINO JOGA MAL E PERDE A QUARTA PARTIDA CONSECUTIVA

COM A DERROTA EQUIPE TERMINA O PRIMEIRO TURNO NA 18ª COLOCAÇÃO
 
Outra decepção. Assim podemos resumir mais uma atuação do Bragantino no Campeonato Brasileiro da Série B, desta vez contra o Boa Esporte, na noite deste sábado, em Varginha, no fechamento do primeiro turno da competição.
O Bragantino perdeu mais uma na Série B,
desta vez para o Boa Esporte
FOTO: Internet
 
O time não ofereceu qualquer resistência ao adversário e perdeu por 3 a 0. O pior: não demonstrou qualquer tipo de reação e foi facilmente envolvido, merecendo a derrota.
 
André Astorga, Kadu, Acleisson e Tchô foram as novidades na equipe em relação ao jogo anterior.

Roberto Cavalo adotou um sistema de jogo diferente, o 3-6-1, com apenas Léo Jaime mais a frente. E foi o próprio Léo Jaime que perdeu uma grande oportunidade de abrir o marcador aos 2 min. Gol este que poderia ter mudado toda a história da partida. Cara a cara com o goleiro Daniel Luiz, o atacante tentou encobri-lo, mas pegou mal na bola, sem força.
 
No ataque seguinte o Boa Esporte quase marcou. Vanger cruzou na área e Marcelo Macedo desviou de cabeça para fora.
 
Aos 11 min, Vanger recebeu lançamento de Francismar e já dentro da área, bateu de esquerda, de primeira, para abrir o marcador. Rafael Santos foi indeciso para o lance e acabou optando por não sair do gol, aumentando as chances do atacante.
 
Aos 28, a trave salvou o Braga de sofrer o segundo gol. Francismar rolou para Vanger sozinho, que ao finalizar, conseguiu acertar a bola nas duas traves. Inacreditável. A superioridade do time da casa era evidente e por pouco o segundo gol não saiu aos 37 min. Mais uma vez Francismar invadiu a área e tocou para Neílson encher o pé. Rafael Santos foi obrigado a fazer grande defesa com a perna.
 
Léo Jaime, contundido deu lugar a Lincon.

Aos 41, Radamés com muito espaço experimentou de fora de área, Rafael Santos mais uma vez foi estranho para a bola e deu rebote. Ninguém do Bragantino acompanhou e Marcelo Macedo apareceu para empurrar a bola para o gol. Boa 2 a 0. Nos acréscimos quase Radamés marcou o terceiro em uma cobrança de falta, defendida pelo goleiro do Massa Bruta.
 
O Braga voltou para a segunda etapa com Matheus no lugar de Kadu, mas a reação não aconteceu. Logo aos 8 min, o Boa marcou o terceiro gol, que selou praticamente a décima derrota do Massa Bruta na Série B. Francismar, sempre ele, o melhor em campo, lançou, a zaga do Bragantino se atrapalhou e no rebote o próprio Francismar, da entrada da área, mandou a bola para o gol.
 
Aos 13, Marcelo Macedo marcou mais um. Carciano fez boa jogada, passou pelo goleiro e rolou para o atacante marcar. Ele estava atrás da linha da bola, mas o assistente viu impedimento no lance.
 
O terceiro gol deixou o Bragantino ainda mais perdido em campo. O Boa ainda chegaria mas duas vezes com perigo aos 17 minutos com Francismar, chutando de fora da área para a defesa de Rafael Santos e aos 20, com Radamés.
 
O Bragantino volta a campo na próxima terça-feira para enfrentar o CRB-AL, no Nabi Abi Chedid, 19h30, pela primeira rodada do returno.