Busca no BLOG

domingo, 1 de setembro de 2013

AUSÊNCIA DE GOLS JÁ INCOMODA O TREINADOR VAGNER BENAZZI

DESDE O JOGO CONTRA O OESTE QUE O TIME NÃO MARCA UM GOL EM JOGADA TRABALHADA

Benazzi preocupado com a falta de pontaria
de seus homens de frente
FOTO: Divulgação
Ponderado em suas entrevistas e sempre poupando seu elenco das críticas da imprensa e do torcedor, aos poucos o técnico Vagner Benazzi tem perdido a paciência com aqueles que deveriam ser seus 'homens gol'. Ele já usou a expressão de que está faltando aquele jogador para colocar a 'bola para dentro' e neste sábado, após o empate sem gols com o Paysandu, desabafou na entrevista coletiva: "Faz tempo que não temos tido erros na defesa, mas faz tempo também que temos tido erros no ataque. Falta tranquilidade na hora de finalizar", afirmou Benazzi.

Desde o jogo contra o Oeste de Itápolis-SP, na 14ª rodada que o time não marca um gol em jogada trabalhada. De lá para cá foram quatro jogos, com três gols marcados (um de cabeça após escanteio, contra o Atlético-GO, um contra no jogo com o Icasa-CE, e um de falta contra a Chapecoense-SC).

Os gols marcados em jogadas de bola parada estão em uma média boa, mas para uma melhor campanha e até mesmo para se brigar por um acesso a equipe não pode depender exclusivamente deste tipo de gol.