Busca no BLOG

quinta-feira, 19 de setembro de 2013

CAMPANHAS DOS TREINADORES DO BRAGANTINO

NÚMEROS COMPARATIVOS ENTRE OS TREINADORES


Marcelo Veiga ficou exatos 405 dias fora do comando técnico do Massa Bruta. Neste período ele trabalhou em três equipes (Remo-PA, Botafogo-SP e São Caetano-SP), confira os números por ele conquistados nestas equipes.


No Remo-PA, na Série D do Brasileiro do ano passado foram apenas 03 jogos, com duas vitórias e uma derrota, sendo eliminado na segunda fase da competição para o Mixto-MT (66.6% de aproveitamento).

No Botafogo-SP, no Paulistão 2013, foram 20 jogos, com 09 vitórias, 04 empates e 07 derrotas, sendo eliminado na segunda fase (quartas de final) para o Mogi Mirim (51.6% de aproveitamento)

No São Caetano, na Série B do Brasileiro, foram 15 jogos, com 04 vitórias, 04 empates e 07 derrotas (35,5% de aproveitamento).

TOTAL =
38 JOGOS
15 VITÓRIAS
08 EMPATES
15 DERROTAS
48 GOLS PRÓ
52 GOLS CONTRA
APROVEITAMENTO: 46.5%

Durante o período que Veiga esteve ausente do comando do Bragantino, três técnicos passaram pela equipe. Vamos aos números de cada um deles:


ROBERTO CAVALO: Quatro jogos no Brasileiro da Série B de 2012
04 JOGOS
04 DERROTAS
01 GOL PRÓ
09 GOLS CONTRA
APROVEITAMENTO: 0%

MAZOLA JÚNIOR: Esteve a frente do time durante o Paulistão 2013, dois jogos da Copa do Brasil e dois jogos da Série B do Brasileiro

23 JOGOS
07 VITÓRIAS
07 EMPATES
09 DERROTAS
28 GOL PRÓ
35 GOLS CONTRA
APROVEITAMENTO: 40.5%

VAGNER BENAZZI: Esteve a frente do time durante parte da Série B do ano passado e deste ano

39 JOGOS
17 VITÓRIAS
08 EMPATES
14 DERROTAS
47 GOL PRÓ
39 GOLS CONTRA
APROVEITAMENTO: 50.4%