Busca no BLOG

sábado, 7 de setembro de 2013

BRAGANTINO ACERTA COM MEIA NADSON

JOGADOR JÁ ATUOU PELO PALMEIRAS-B E ESTAVA NO AUDAX-SP

Nadson é o mais novo contratado
do Bragantino
FOTO: Site do Bragantino
O Bragantino segue se reforçando para a seqüência do Campeonato Brasileiro da Série B. Neste sábado foi apresentado o meio campo Nadson, 24 anos, que estava defendendo o Audax-SP, na Copa Paulista. Por sinal, nesta competição, ele era o artilheiro da equipe, com 4 gols marcados.

No início do ano, Nadson esteve no Avaí, mas teve poucas oportunidades. Ele também teve passagens pela Ponte Preta e pelo Grêmio Barueri, mas onde ele mais se destacou foi defendendo o Palmeiras-B nas divisões de acesso do Campeonato Paulista.

Ele foi revelado pelo São Carlos, uma das sensações da Copa SP de 2010.

BRAGANTINO PERDE DE VIRADA PARA O JEC

ESTREIA NO RETURNO NÃO FOI A ESPERADA

Jogando na noite desta sexta-feira, pela primeira rodada do returno do Campeonato Brasileiro da Série B, o Bragantino mais uma vez tropeçou e acabou derrotado pelo Joinville, de virada, por 2 a 1. Com o resultado a distância para os primeiros colocados aumentou. O JEC assumiu a quarta colocação com 34 pontos, oito a mais que o Massa Bruta.
Gustavo teve boa participação na partida
FOTO: Fábio Moraes

O Bragantino foi superior na primeira etapa e construiu com méritos a vitória parcial por 1 a 0. Logo no primeiro minuto de jogo Tiaguinho teve a chance para abrir o marcador, mas finalizou mal quando estava cara a cara com o goleiro Ivan. A bola saiu a esquerda do gol.

Aos 4 min, Magno foi lançado pela esquerda e, de forma inteligente, tocou para Serginho, que invadiu a área e com categoria bateu na saída do goleiro para abrir o marcador.

O gol no início deu a tranquilidade que o time precisava. Dudu, aos 6 e Tiaguinho, aos 29, tiveram oportunidades para ampliar a vantagem, mas desperdiçaram.

Na etapa final o Joinville virou. Lima marcou logo aos 40 segundos e Marcelo Costa fez o segundo aos 19.

No final da partida a pressão do Braga foi grande, mas sem êxito para conseguir ao menos o empate, que já seria um mal resultado.

Serginho, que substituiu Elias contundido, foi expulso de campo.

quinta-feira, 5 de setembro de 2013

ÁLVARO E ELIAS DEIXAM O TREINO E PASSAM A SER DÚVIDAS

OS DOIS SERÃO REAVALIADOS ANTES DO JOGO DESTA SEXTA-FEIRA

Jenison pode ter mais uma
chance entre os titulares
FOTO: Sílvio Loredo

O técnico Vagner Benazzi tem motivos em demasia para se preocupar com sua equipe. No treino desta quinta-feira, já não bastasse não poder contar com Geovanni, suspenso pelo terceiro cartão amarelo recebido contra o Figueirense, no decorrer do treino ele perdeu duas peças importantes: o volante Elias, queixando-se de dores no joelho e Álvaro com uma pancada no tornozelo. Eles foram substituídos por Serginho e Robertinho, respectivamente.


O zagueiro Yago com uma tendinite no joelho deverá ficar fora da equipe ao menos por uns 15 dias, em tratamento.

Em relação ao time que perdeu para o Figuera, Benazzi começou o treino com cinco alterações. Saíram Yago, Bruno Iotti, Geovanni (suspenso), Thiago Miracema e Lincon. Entraram: Rafael Costa, Gustavo, Tiaguinho, Dudu e Jenison.

quarta-feira, 4 de setembro de 2013

ÁRBITRO DO ESPÍRITO SANTO APITA BRAGA x JOINVILLE-SC



MARCOS ANDRÉ GOMES DA PENHA FOI O INDICADO EM SORTEIO

A Comissão de Arbitragem da CBF divulgou a escala de árbitros para a primeira rodada do returno do Brasileiro da Série B. Bragantino x Joinville-SC, na próxima sexta-feira, 21h50, no estádio Nabi Abi Chedid terá a arbitragem de Marcos André Gomes da Penha (CBF 1 ES).
Seus assistentes serão Leonardo Mendonaç (CBF 1 ES) e Eduardo Gonçalves da Cruz (CBF 1 MS). O quarto árbitro será José Cláudio da Rocha Filho (CBF 2 SP).

Marcos André é agente da Polícia Federal e formado em Educação Física. Está no quadro de árbitros da CBF desde 2005.

Natural de Vila Velha (ES) e está atualmente com 38 anos.

No ano passado ele apitou dois jogos do Bragantino (derrota 1 a 0 para o Avaí, no 1º turno, em Florianópolis/SC e derrota para o Ipatinga-MG, por 2 a 1, em Ipatinga-MG, pelo returno da Série B).

terça-feira, 3 de setembro de 2013

BRAGANTINO JOGA MAL E PERDE DO FIGUEIRENSE

PRIMEIRO TEMPO DA EQUIPE DEIXOU A DESEJAR

O Bragantino voltou a apresentar um futebol abaixo das expectativas, principalmente na primeira etapa, e acabou sofrendo mais uma derrota no Brasileiro da Série B, desta feita para o Figueirense-SC, por 2 a 1, na noite desta terça-feira, no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis.

A maior preocupação é que, pela segunda vez consecutiva, a equipe teve um desempenho muito abaixo do esperado na primeira etapa.

Com o resultado o time terminou o primeiro da competição na 11ª colocação, com 26 pontos, cinco atrás do Sport Recife, quarto colocado.

A campanha até aqui é equilibrada, porém intermediária. O time venceu sete vezes, perdeu sete e empatou outras cinco. Marcou 19 gols e sofreu o mesmo número, média de um gol por partida, tanto pelo lado ofensivo como defensivo.

Disperso, principalmente no início da partida, o Bragantino facilitou as coisas para o Figueira. Logo aos 10 min, em um erro de marcação, Tchô serviu a Ricardinho, que abriu o marcador. No minuto seguinte, Nem acertou uma bola contra o travessão de Leandro Santos.

Aos 24, o árbitro assinalou penalidade de Raphael Andrade em Tchô. O zagueiro do Bragantino pegou apenas a bola, mas o árbitro não entendeu assim. Rafael Costa cobrou e ampliou o placar.

O gol do Massa Bruta foi marcado por Dudu, aos 26 min da etapa final. A partir daí o time esboçou uma reação, mas sem conseguir ao menos a igualdade no marcador.

O atacante Thiago Miracema fez sua estreia. De forma bastante discreta e mostrando desentrosamento sua presença nada acrescentou em termos ofensivos.

FICHA TÉCNICA: FIGUEIRENSE x BRAGANTINO


HISTÓRIA DOS CONFRONTOS: FIGUEIRENSE-SC x BRAGANTINO


segunda-feira, 2 de setembro de 2013

BENAZZI LEVA 19 ATLETAS PARA FLORIANÓPOLIS-SC

NOVIDADE É O ATACANTE THIAGO MIRACEMA

A delegação do Bragantino seguiu para Florianópolis-SC, na tarde desta segunda-feira, local da partida contra o Figueirense, nesta terça-feira, 19h30, pela última rodada do primeiro turno da Série B do Brasileiro.

Vagner Benazzi relacionou 19 atletas para a partida. São eles:

Goleiros: Leandro Santos e Gilvan.
Laterais: Diego Macedo, Robertinho, Alex e Bruno Iotti.
Zagueiros: Álvaro, Raphael Andrade e Yago.
Volantes: Elias, Carlinhos e Serginho.
Meias: Geovani e Gustavo.
Atacantes: Lincon, Tiaguinho, Jenison, Dudu e Thiago Miracema.

ZAGUEIRO KADU DEIXA O BRAGANTINO E ACERTA COM O VITÓRIA-BA

JOGADOR TINHA CONTRATO COM O BRAGA ATÉ O FINAL DA SÉRIE B
Kadu deixa o Bragantino e acerta
com o Vitória-BA
FOTO: Divulgação

O Vitória-BA anunciou nesta segunda-feira o acerto com o zagueiro Kadu, do Bragantino, para a seqüência da disputa do Brasileirão Série A.

Kadu, 27 anos, tinha contrato vigente com o Bragantino até o dia 30 de novembro deste ano e não esteve em campo, no último sábado, contra o Paysandu, vetado pelo departamento médico devido a uma lesão muscular.

A confirmação da contratação do zagueiro foi feita pelo diretor de futebol do Vitória-BA, Raimundo Queiroz. Kadu já se apresentou ao seu novo clube, onde passa por exames médicos para, posteriormente, assinar contrato, provavelmente, até o final do ano.

O Bragantino pode ter recebido uma compensação financeira para liberar o zagueiro.

Com  a saída de Kadu, provavelmente, o Bragantino deve acertar a contratação de mais um zagueiro nos próximos dias.

BRAGANTINO CONSEGUE EFEITO SUSPENSIVO PARA DIEGO MACEDO

LATERAL ESTÁ CONFIRMADO PARA ENFRENTAR FIGUEIRENSE-SC, NESTA TERÇA-FEIRA

Diego Macedo vai enfrentar
o Figueirense-SC, nesta terça-feira
FOTO: Divulgação

Assim que terminou a sessão na 4ª Comissão Disciplinar no STJD, na última sexta-feira, o Bragantino solicitou um efeito suspensivo ao atleta Diego Macedo, suspenso por 4 quatro pela sua expulsão diante do Oeste de Itápolis-SP, através do advogado do clube no RJ, Dr. Paulo Rubens.

Com o efeito suspensivo concedido, Macedo ainda terá ao menos mais dois jogos de suspensão a cumprir após o novo julgamento a ser realizado pelo Tribunal Pleno do STJD, em data ainda a ser divulgada, caso não tenha a pena alterada neste novo julgamento.

Desta forma, o técnico Vagner Benazzi ganhou um importante reforço para o jogo desta terça-feira, 19h30, no estádio Orlando Scarpelli, diante do Figueirense-SC.

O Bragantino deixou Bragança Paulista com destino a Florianópolis-SC logo após o almoço desta segunda-feira e Macedo seguiu com a delegação.

domingo, 1 de setembro de 2013

AUSÊNCIA DE GOLS JÁ INCOMODA O TREINADOR VAGNER BENAZZI

DESDE O JOGO CONTRA O OESTE QUE O TIME NÃO MARCA UM GOL EM JOGADA TRABALHADA

Benazzi preocupado com a falta de pontaria
de seus homens de frente
FOTO: Divulgação
Ponderado em suas entrevistas e sempre poupando seu elenco das críticas da imprensa e do torcedor, aos poucos o técnico Vagner Benazzi tem perdido a paciência com aqueles que deveriam ser seus 'homens gol'. Ele já usou a expressão de que está faltando aquele jogador para colocar a 'bola para dentro' e neste sábado, após o empate sem gols com o Paysandu, desabafou na entrevista coletiva: "Faz tempo que não temos tido erros na defesa, mas faz tempo também que temos tido erros no ataque. Falta tranquilidade na hora de finalizar", afirmou Benazzi.

Desde o jogo contra o Oeste de Itápolis-SP, na 14ª rodada que o time não marca um gol em jogada trabalhada. De lá para cá foram quatro jogos, com três gols marcados (um de cabeça após escanteio, contra o Atlético-GO, um contra no jogo com o Icasa-CE, e um de falta contra a Chapecoense-SC).

Os gols marcados em jogadas de bola parada estão em uma média boa, mas para uma melhor campanha e até mesmo para se brigar por um acesso a equipe não pode depender exclusivamente deste tipo de gol.

NÚMEROS MOSTRAM DEFICIÊNCIA OFENSIVA DO BRAGANTINO

DOS 18 GOLS MARCADOS, NOVE FORAM EM LANCES DE BOLA PARADA

O Bragantino disputou 18 jogos no Brasileiro da Série B, até o momento, e marcou 18 gols (média de um gol por jogo), tendo apenas o 17º ataque mais produtivo da competição, ou seja, o quarto pior.

Para piorar ainda mais as coisas vamos analisar alguns números em relação a estes 18 gols, vejamos:

A - Dos 18 gols marcados pelo time apenas sete deles foram em jogadas trabalhadas.
B - Nove deles foram marcados em lances de bola parada.
C - Dois foram contra.

Confira todos os resultados:
















Vamos analisar os gols:
02 - Contra o Guaratinguetá: Lincon, em jogada trabalhada, e Raphael Andrade (cabeça), após cobrança de escanteio (bola parada).

01 - contra o ABC: Léo Jaime em jogada individual.

01 - contra o São Caetano: Léo Jaime, em jogada trabalhada, lançamento de Deyvid Sacconi.

02 - contra o Sport: Carlinhos, escorando escanteio cobrado por Diego Macedo (bola parada) e Magno, em contra ataque puxado por Lincon.

02 - contra o América-MG:  um gol contra de André Girotto e outro de Diego Macedo, de falta (bola parada).

02 - contra o Ceará: Lincon, em jogada individual e Álvaro, de cabeça, após escanteio (bola parada).

01 - contra o ASA: André Vinicius, após cobrança de falta de Diego Macedo (bola parada).

01 - contra o Palmeiras: Kadu concluiu após cobrança de falta de Geovani (bola parada).

01 - contra o Avaí: Álvaro, de cabeça, após cobrança de escanteio (bola parada).

02 - contra o Oeste: Diego Macedo, após tabela com Tiaguinho, e Magno, em jogada de Dudu e Bruno Iotti.

01 - contra o Atlético-GO: Álvaro, de cabeça, após cobrança de escanteio (bola parada).

01 - contra o Icasa-CE: gol contra de Luis Gustavo.

01 - contra o Chapecoense: Geovani, de falta (bola parada).