Busca no BLOG

domingo, 19 de junho de 2016

BRAGANTINO CEDE EMPATE NO FINAL PARA O NÁUTICO

TIME DEIXOU OS TRÊS PONTOS ESCAPAREM NOS ACRÉSCIMOS

O Bragantino deixou escapar no último sábado, nos acréscimos, aos 47 min da segunda etapa, a primeira vitória fora de casa no Campeonato Brasileiro da Série B, jogando no estádio do Arruda, contra o Náutico. A equipe do técnico Toninho Cecílio vencia a partida por 1 a 0, mas sofreu o empate em uma cobrança de penalidade máxima.

O primeiro tempo mostrou o time do técnico Toninho Cecílio exercendo uma forte marcação e tentando explorar as jogadas em velocidade de contra ataque. A primeira delas em um vacilo de Matheus Müller, Watson quase abriu o marcador.

O Náutico assustou no final da primeira etapa em um arremate de Jefferson Nem, após uma saída de bola errada do goleiro Felipe.

Na etapa final o Bragantino quase marcou no primeiro minuto. Watson concluiu, mas a bola foi em cima de Gaston Filgueira.

O mesmo Watson marcou aos 12 min e abriu o marcador. Bruno Pacheco cobrou o lateral jogando a bola na área, a marcação falhou e Edson Sitta cruzou. Watson apareceu livre e empurrou a bola para o gol.

Aos 33, Eliandro, que entrou no lugar de Erick, finalizou, mas a bola bateu em Eduardo e não entrou. O goleiro Júlio César já estava vencido no lance.

O Náutico teve a seu favor a marcação de uma penalidade máxima aos 44 min. Léo Pereira arriscou da entrada da área e a bola chocou-se contra o braço de Daniel Pereira. O árbitro entendeu como toque e assinalou o pênalti. Bergson cobrou aos 47 min e converteu, empatando a partida.