Busca no BLOG

sábado, 2 de julho de 2016

REAÇÃO NÃO VEIO E O BRAGANTINO SOFRE MAIS UMA DERROTA

TIME CHEGA A MARCA DE SETE JOGOS SEM VENCER. DESTA VEZ A DERROTA FOI PARA O PARANÁ, POR 1 A 0

Bruno Pacheco esteve bem marcado neste jogo
contra o Paraná Clube

FOTO: Sílvio Loredo
A situação do Bragantino vai ficando mais complicada a cada rodada que se completa no Campeonato Brasileiro da Série B. Neste sábado, jogando novamente em casa, o time acabou derrotado para o Paraná, por 1 a 0, em jogo válido pela 14ª rodada da competição.

Com mais esta derrota (a sétima em 14 jogos) a equipe se manteve na zona do rebaixamento e chega a marca de sete jogos sem vitórias.

O próximo compromisso será no sábado, em Osasco-SP, diante do Oeste.

JOGO EQUILIBRADO
Bragantino e Paraná fizeram uma partida equilibrada. A primeira chance de gol foi do Braga, aos 8 min, com Gabriel Dias. A conclusão do camisa 5 do Braga parou na defesa do bom goleiro Marcos.

Aos 19 foi a vez do Paraná assustar. Leandro Silva cabeceou e a bola passou rente a trave de Felipe.

Marcos Paullo que teve uma chance entre os titulares, assim como o estreante Rafael Grampola, acertou uma bola na trave aos 23.

O Bragantino teve ao menos mais duas chances nesta primeira etapa. Uma com Tartá, aos 32 e outra com Grampola, aos 36. Nesta última a bola mais uma vez acertou a trave.

Na etapa final, a primeira boa chance foi de Marcos Paullo em um chute de fora da área, que o goleiro Marcos espalmou.

Mesmo melhor o Bragantino pecou nas finalizações e nos contra ataques o Paraná passou a levar mais perigo.

Aos 31 min, em um lance duvidoso no interior da área do Bragantino, Robson passou por Alemão, o árbitro viu um choque e interpretou como penalidade máxima. Lúcio Flavio cobrou e abriu o marcador, aos 32.

Nem mesmo as entradas de Watson, Jefferson Baiano (outro estreante) e Claudinho, todos atacantes resultaram ao menos no gol de empate do Bragantino.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post aqui seu comentário: