Busca no BLOG

quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

OPINIÃO: CONTAGEM REGRESSIVA PARA O INÍCIO DA SÉRIE A2

COMEÇA NESTE SÁBADO AQUELE QUE DEVE SER UM DOS MAIS EQUILIBRADOS CAMPEONATO DE ACESSO

PRESIDENTE DO BRAGANTINO, MARCO CHEDID,
QUANDO DA REUNIÃO DO CONSELHO ARBITRAL DA SÉRIE A2,
NA SEDE DA FEDERAÇÃO PAULISTA DE FUTEBOL
O Campeonato Paulista da Série A2 deste ano manteve o mesmo regulamento do ano passado. Sobem duas equipes para o Paulistão e caem seis para a Série A3. A cada ano o campeonato fica mais difícil e competitivo. De 28 de janeiro a 07 de maio cada uma das equipes lutará para atingir seus objetivos. Uns sonhando com o acesso, outros em se manter na divisão e um terceiro escalão, aquele que brigará para não ir parar na Série A3.

Algumas equipes se apresentam  mais estruturadas, casos de Água Santa, São Caetano e Guarani, mas isso não é suficiente para apontá-los como favoritos.

No ano passado, São Caetano e Bragantino foram disparados os melhores na primeira fase, mas sequer passaram das quartas de final. Chegou o Mirassol, que era apontado como a 'terceira força'.

O mesmo aconteceu com o Audax em 2013, melhor na primeira fase, perdeu o acesso para o Rio Claro na fase final.

O campeonato de 2014 e 2015 foi disputado no sistema de pontos corridos e premiou a regularidade do Capivariano e da Ferroviária, respectivamente.

A expectativa fica por conta do Bragantino. Qual será o papel da equipe comandada pelo técnico Alberto? Com pouco investimento o time lutará para se manter na A2, brigará por uma vaga entre os quatro que se classificarão ao término da primeira fase, ou lutará do início ao fim contra o rebaixamento? Só o tempo e o passar de cada rodada nos possibilitará tal resposta.

A cidade e o torcedor confiam no trabalho da comissão técnica. Resta saber se isso será o suficiente.

Boa sorte, Massa Bruta.