Busca no BLOG

segunda-feira, 17 de abril de 2017

BRAGANTINO VENCE O PENAPOLENSE E DECIDE A CLASSIFICAÇÃO NA ÚLTIMA RODADA

MASSA BRUTA ESTÁ NA QUINTA COLOCAÇÃO. PARA SE CLASSIFICAR PRIMEIRO PRECISA VENCER O VOTUPORANGUENSE EM CASA E TORCER PARA QUE OU GUARANI OU RIO CLARO (UM DOS DOIS) NÃO VENÇA SEUS JOGOS

O Bragantino manteve a escrita de melhor equipe visitante no atual campeonato da Série A2 e venceu o Penapolense, fora de casa, na manhã do último domingo, por 2 a 1. O resultado, aliado a derrota do Batatais para o Juventus, e a vitória do Guarani diante do Barretos, nesta segunda-feira, colocaram o Massa Bruta na quinta colocação e na briga direta por uma vaga no G4.

Domingo, os comandados do técnico Alberto recebem o Votuporanguense, em casa, e precisam da vitória. Para garantir uma das vagas na próxima fase, o time precisa dos três pontos, além de contar com o tropeço de Rio Claro ou Guarani, que enfrentam Sertãozinho e Batatais, respectivamente.

O que aumenta a chance de classificação do Bragantino é que estas duas equipes enfrentam adversários que ainda possuem chances de também chegar ao G4, caso conquistem a vitória. O Rio Claro joga em casa e o Guarani em Batatais.

EQUIPE SOUBE SE IMPOR NO MOMENTO CERTO
LANCE DA PARTIDA ONDE O BRAGANTINO VENCEU O PENAPOLENSE, POR 2 A 1
FOTO: 
CA PENAPOLENSE/SILAS RECHE
O primeiro tempo entre Penapolense x Bragantino começou de forma equilibrada, mas com o Braga nunca perdendo o controle da partida. Poucas foram as chances de gol, mas na principal delas o time do técnico Alberto abriu o marcador aos 29 min. Fabiano fez uma bela jogada individual pelo lado esquerdo e cruzou de forma certeira para Rafael Grampola. O atacante, dentro da área, dominou, fez o giro em cima do zagueiro e bateu no canto do goleiro Samuel Pires. Este foi o seu sexto gol na competição.

O mesmo Grampola teve outra oportunidade para ampliar o marcador, aos 36 min, mas a bola passou por cima do gol.

Com a vantagem no placar o Bragantino procurou se precaver mais em seu campo e a atuar na base dos contra ataques. Pensando assim, o técnico Alberto optou pela entrada do veloz Wellington e também do volante Daniel Pereira, aos 15 min.

Nos minutos finais Giva entrou no lugar de Edson Sitta. Wellington e Giva, por sinal, participaram da jogada do segundo gol, aos 47 min. Wellington cruzou e Giva, sentado, rolou para Rafael Chorão marcar.

Leandro Love, de cabeça, diminuiu para os donos da casa, mas já era tarde. Final: Penapolense 1 x 2 Bragantino.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post aqui seu comentário: