Busca no BLOG

domingo, 7 de maio de 2017

VICE CAMPEÃO: SÃO CAETANO 2 x 1 BRAGANTINO

JOGO FOI EQUILIBRADO. SÃO CAETANO SOUBE SE APROVEITAR DE BOLAS ALÇADAS NA DEFESA DO BRAGANTINO PARA VENCER. DESTAQUE PARA O TORCEDOR DO MASSA BRUTA QUE COMPARECEU EM GRANDE NÚMERO NO 'ANACLETO CAMPANELLA'

BOLA PERSONALIZADA DA FINAL
SÃO CAETANO x BRAGANTINO
FOTO: FPF/BRENO LIMA
São Caetano e Bragantino fizeram uma partida digna de final do Campeonato Paulista da Série A2 na noite deste último sábado, em São Caetano do Sul. Ao término dos 90 minutos os donos da casa venceram por 2 a 1 e ficaram com o título. As duas equipes garantiram vaga na Série A1 em 2018.
Uma grande caravana de torcedores do Massa Bruta compareceu ao estádio Anacleto Campanella. Segundo informações da Policia Militar de São Caetano, cerca de 1700 torcedores de Bragança ocuparam o espaço a eles reservado, promovendo uma festa a parte da que aconteceu dentro das quatro linhas.
ARBITRAGEM, EDSON SITTA E ESLEY, CAPITÃESFOTO: FPF/BRENO LIMA


Em campo assistimos duas equipes bem armadas pelos seus treinadores e uma partida bastante equilibrada. Dois gols aconteceram em lances de bola parada. O primeiro do São Caetano, aos 39 min. Alex Reinaldo cobrou falta pela direita, Renan Rocha afastou parcialmente não conseguindo socar a bola para fora da área. Paulinho Santos ficou com a bola e, livre, mandou para o gol.

JOGADORES DO BRAGANTINO NO PÓDIUM COM O
TROFÉU DE VICE CAMPEÃO PAULISTA DA SÉRIE A2
FOTO: FPF/BRENO LIMA
O Bragantino empatou aos 3 min da etapa final. Depois de uma cobrança de falta do setor direito, por Rafael Chorão, a bola foi disputada na área por Gilberto, sobrando para Edson Sitta. Este tocou para Adenilson, na entrada da área, que acabou calçado no momento da finalização. A bola ganhou altura e Rafael Grampola, de bicicleta, marcou um belo gol.

O Azulão marcou o segundo, aos 21 min. Bruno Recife levantou a bola para a área, buscando Lincom, a zaga fez o corte parcial, Carlão dividiu com Gilberto e, Regis, novamente em uma sobra de bola, mandou para o gol, desta vez sem chances para o goleiro do Massa Bruta.
PRESIDENTE MARCO CHEDID ENTREGA A MEDALHA
E CUMPRIMENTA O CAMISA 10, RAFAEL CHORÃO
FOTO: FPF/BRENO LIMA