Busca no BLOG

domingo, 18 de junho de 2017

EMPATE FORA DE CASA MANTÉM BRAGANTINO NO G4

TOMBENSE E BRAGANTINO FICARAM NO ZERO A ZERO

BRUNO OLIVEIRA NA DISPUTA DO LANCE COM
DEFENSOR DO TOMBENSE
FOTO: RAFAEL MOREIRA/CA BRAGANTINO
O Bragantino conseguiu trazer um ponto na bagagem de volta da distante Tombos-MG, local da partida do último sábado contra o Tombense, ao empatar em 0 a 0, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro da Série C. O empate, aliado aos demais resultados do grupo, manteve o Massa Bruta na quarta colocação, agora com nove pontos.

No próximo sábado, o time do técnico Alberto recebe o São Bento, de Sorocaba, no estádio Nabi Chedid, 16 horas.

PRIMEIRO TEMPO DE POUCAS CHANCES
Em campo prevaleceu a marcação, principalmente por parte do Bragantino, que não deu espaços ao adversário. As jogadas perigosas do Tombense aconteceram em lances de bola parada. A primeira delas logo aos 2 min, com Maradona.

Aos 35, Everton Dias, de cabeça, obrigou Rafael Pascoal a trabalhar, após escorar a bola em cobrança de falta de Maradona.

A primeira etapa teve mais posse de bola do Bragantino, mas sem nenhuma jogada de perigo contra o gol do Tombense. A equipe não conseguiu ser eficiente nos contra ataques.

SEGUNDO TEMPO MAIS MOVIMENTADO
Ao contrário da primeira etapa, a etapa final teve inúmeras chances para os dois lados, mas desperdiçadas.

Aos 6 min, Fabiano teve a chance de marcar depois de um escanteio cobrado por Wellington. A bola foi desviada de cabeça para fora.

O zagueiro Ednei arriscou de fora da área, aos 9, e a bola passou perto, assustando Rafael Pascoal.

Aos 17, Edson Sitta quase marcou. O troco dos donos da casa foi no minuto seguinte com Dieguinho. Rafael Pascoal trabalhou novamente.

Roberto Pitio entrou no lugar de Felipe Silva e em sua primeira participação exigiu a defesa de Darley.

Os minutos finais mostraram uma precaução das duas equipes em garantir o resultado de empate.