Busca no BLOG

sexta-feira, 7 de setembro de 2012

VEXAME INTERMINÁVEL: BRAGANTINO PERDE 8ª PARTIDA CONSECUTIVA

ERROS DA ARBITRAGEM NÃO PODEM ENCOBRIR A FRACA ATUAÇÃO DO TIME

As derrotas viraram rotina no Bragantino neste Brasileiro da Série B. Reclamar da arbitragem e desviar o foco também. Em algumas situações as reclamações foram aceitáveis, mas esta noite, em Curitiba, não. O time, a exemplo do que já aconteceu com os outros dois ex-treinadores, voltou a jogar mal e fez um primeiro tempo abaixo da crítica. Erros de posicionamento, de passes e, principalmente, a apatia de alguns jogadores voltaram a ser notórios.
Lincon disputa o lance com Douglas Packer
FOTO: Alan Costa Pinto / Internet
 
Resultado: mais uma derrota com dois gols sofridos na primeira etapa, Luisinho aos 17 e Alex Alves aos 34 minutos.
 
Outra decepção foi a estréia de Gláuber, que deixou o campo contundido aos 13 min desta primeira etapa, sentindo uma lesão na parte posterior da coxa esquerda.
 
Na etapa final o time demonstrou mais vontade e um melhor posicionamento dentro das quatro linhas, mas não o suficiente para reverter o marcador.
 
Faltando 15 rodadas para o término da competição, estão em jogo 45 pontos, dos quais o Bragantino vai precisar ao menos conquistar uns 28, ou seja, o time deverá passar a ter um percentual de aproveitamento acima da casa dos 60% dos pontos disputados a partir de agora para evitar o pior, a que parece estar fadado, ou seja, o rebaixamento.

Atualmente o índice de aproveitamento do Bragantino na Série B é de apenas 21,7%