Busca no BLOG

segunda-feira, 17 de setembro de 2012

LINCON RECEBE PUNIÇÃO SEVERA

ATACANTE FOI SUSPENSO POR 10 JOGOS

Lincon foi punido com 10 jogos de suspensão
FOTO: Sílvio Loredo
O que já era esperado veio apenas se confirmar no início da noite desta segunda-feira. O atacante Lincon foi julgado pela Primeira Comissão Disciplinar do STJD, no Rio de Janeiro e suspenso por 10 jogos devido sua atitude na expulsão e após ela no jogo diante do Boa Esporte. Acompanhe o julgamento na íntegra:

O presidente chama a julgamento o Processo: 076 /2012 – Jogo: Boa EC (MG) X CA Bragantino (SP) categoria profissional, realizado em 25 de agosto de 2012 – Campeonato Brasileiro- Serie B.- Denunciado: Orlando Francisco Pires Junior, atleta do CA Bragantino, incurso no Art. 254-A§1º inciso I na forma do Art. 184 todos do CBJD.- AUDITOR RELATOR DR. LUIZ FELIPE BULUS ALVES FERREIRA.

01 - COM A PALAVRA O RELATOR LUIZ FELIPE BULUS ALVES FERREIRA PARA LEITURA DO RELATÓRIO
Entenda o caso: Segundo relatado na súmula, Lincom atingiu o atleta adversário Carciano com um soco no rosto, fora de disputa de bola, aos 35 min da etapa final. Após receber o vermelho direto, o atacante deu um soco na boca de Neylor, também do time adversário, antes de se dirigir ao vestiário, provocando grande tumulto.
O ato de Lincom foi enquadrado duplamente do artigo 254-A, inciso I, (praticar agressão física, desferir dolosamente soco, de forma contundente ou assumindo o risco de causar dano ou lesão ao atingido) do Código Brasileiro de Justiça Desportiva.

02 - COM A PALAVRA O ADVOGADO PAULO RUBENS PARA DEFESA DO ATLETA DO BRAGANTINO. ANTES DE INICIAR A SUSTENTAÇÃO, A DEFESA PEDE AUTORIZAÇÃO PARA EXIBIR PROVA DE VÍDEO.

03 - POR SOLICITAÇÃO DA DEFESA, O VÍDEO ESTÁ SENDO EXIBIDO NOVAMENTE, MAS DESTA VEZ COM ÁUDIO.

04 - APÓS APRESENTAÇÃO DO VÍDEO, LINCON É CONVIDADO A PRESTAR ESCLARECIMENTOS.

05 - DE ACORDO COM O JOGADOR, NO PRIMEIRO LANCE NÃO ACONTECEU NADA, PORÉM APÓS ELE FOI ATINGIDO COM UMA COTOVELADA. "RECEBI DUAS COTOVELADAS. UMA QUE FOI MOSTRADA NO VÍDEO E OUTRA QUE NÃO CONSTA NO VÍDEO. ELE (CARCIANO) FICOU O TEMPO TODO ME HOSTILIZANDO DIZENDO QUE EU NÃO ERA NADA. QUE EU ERA UM MERDA...NA HORA QUE EU FUI EXPULSO E ESTAVA SANGRANDO, EU FIQUEI NERVOSO E ACABEI SIM INDO NA DIREÇÃO DELE. O ÁRBITRO ME EXPULSOU E NÃO FEZ NADA COM ELE". "ELE(CARCIANO) FALOU QUE EU ESTAVA PERDENDO O JOGO E AINDA IA SER EXPULSO", ACRESCENTOU LINCON EM SEU DEPOIMENTO.

06 - APÓS DEPOIMENTO, PAULO RUBENS TEM A PALAVRA PARA DEFESA DO ATLETA. "A DEFESA ENTENDE QUE NÃO HÁ MOTIVO PARA JULGAR O ATLETA POR DUAS INFRAÇÕES, QUANDO NA VERDADE FOI UM ÚNICO ATO. O ÁRBITRO ASSISTENTE NÃO FAZ MENÇÃO AO ÁRBITRO DA PARTODA SOBRE A EXISTÊNCIA DO SOCO. ELE SUPÔE QUE O LINCOM TINHA ACERTADO O ADVERSÁRIO COM UM SOCO. NÃO HÁ VÍDEO A CERCA DESTA SUPOSTA INFRAÇÃO COMETIDA PELO JOGADOR. NESTE SENTIDO, A DEFESA PEDE A ABSOLVIÇÃO DO ATLETA PORTER MOSTRADO A IMAGEM NITIDAMENTE QUE NÃO FOI ESTA A INDICAÇÃO QUE O ÁRBITRO ASSISTENTE FEZ. ENTENDENDO QUE NÃO HÁ ELEMENTO DE PROVAS, A DEFESA PEDE A ABSOLVIÇÃO DO PRIMEIRO FATO.

" PELO SEGUNDO ATO, O ATLETA ATINGIU SIM COM UM SOCO O ADVERSÁRIO,MAS NÃO O TIPO DO ARTIG 254-A E NESTE SENTIDO VEM PEDIR PELA DESCLASSIFICAÇÃO. LINCOM RESPONDEU AO ADVERSÁRIO QUE HE ATINGIU. FOI HOSTIL E POR ISSO PEÇO A DESCLASSIFICAÇÃO PARA SER ENQUADRADO POR SER HOSTIL".

07 - COM A PALAVRA O RELATOR LUIZ FELIPE BULUS ALVES FERREIRA, QUE VOTA NO SENTIDO DE ABSOLVER NO PRIMEIRO ATO POR INFRAÇÃO AO 254-A E SUSPENDER POR SEIS JOGOS O ATLETA DO BRAGANTINO, INCURSO NO ART. 254-A DO CBJD, REFERENTE AO SEGUNDO ATO.

08 - O AUDITOR FELIPE BEVILACQUA DIVERGE DO RELATOR E VOTA EM SUSPENDER LINCON POR UMA PARTIDA POR INFRAÇÃO AO ART. 250, ANTES TIPIFICADO NO ART.254-A (PRIMEIRO ATO); EM SUSPENDER POR QUATRO JOGOS POR INFRAÇÃO AO 254-A (SEGUNDO ATO).

09 - O AUDITOR WASHINGTON OLIVEIRA TAMBÉM DIVERGE DO RELATOR E ACOMPANHA O VOTO DO AUDITOR FELIPE BEVILACQUA.

10 - O PRESIDENTE DIVERGE E APLICA QUATRO PARTIDAS DE SUSPENSÃO PELA PRIMEIRA INFRAÇÃO E VOTA EM SUSPENDER POR SEIS JOGOS O ATLETA LINCON DO BRAGANTINO.

11 - ANTES DE PROFERIR O RESULTADO, OS AUDITORES VINICIUS SÁ E WASHINGTON OLIVEIRA DECIDEM REFORMULAR O VOTO E ACOMPANHAM O VOTO DO PRESIDENTE, APLICANDO 10 JOGOS DE SUSPENSÃO AO ATLETA LINCON: QUATRO PELO PRIMEIRO ATO E SEIS PELO SEGUNDO.

RESULTADO DO JULGAMENTO: POR MAIORIA DE VOTOS, SUSPENSO POR DEZ JOGOS O ATLETA DO BRAGANTINO, INCURSO NO ART. 254-A DO CBJD, NA FORMA DO 184.

Um comentário:

  1. Ridículo,
    o Bragantino nunca foi tão prejudicado pela arbitragem como neste Campeonato Brasileiro.
    Os relatores votam num sentido mais brando e, após o posicionamento do presidente, reformam seus pareceres para endurecer a pena. Da iniciativa de poucos muitos vão sendo prejudicados.

    ResponderExcluir

Post aqui seu comentário: